Leituras de Darwin – bibliografia secundária

darwinQuadrinho3

ABRANTES, Paulo; ALMEIDA, Fabio. Criacionismo e darwinismo confrontam-se nos tribunais… da razão e do direito. Episteme. Porto Alegre, v. 11, n. 24, p. 357-401, jul/dez. 2006.

BELLINI, Luzia Marta. História e epistemologia das ciências. Maringá: EdUEM, 2013.

___. O conceito de evolução nos livros didáticos: uma avaliação metodológica. Revista Estudos em Avaliação Educacional, Fundação Carlos Chagas, São Paulo, no. 33, 2006.
BLANC, Marcel. Os herdeiros de Darwin. SP: Editora Scritta, 1994.

BOEGER, Walter. O tapete de Penélope: o relacionamento entre as espécies e a evolução orgânica. SP: Edunesp, 2009.

BOWLER, P. J. Evolution: the history of an idea. The University of California Press, 1989.

BRANCO, Samuel Murgel. Evolução das espécies: o pensamento científico, religioso e filosófico. SP: Editora Moderna, 1994.

BROWNE, Janet. Charles Darwin viajando. Tradução de Gerson Yamagami. SP: Editora Unesp, 2011.

___. Charles Darwin: o poder do lugar. Tradução de Otacílio Nunes. SP: Editora Unesp, 2011.

___. A Origem das espécies de Darwin (uma biografia). Tradução de Maria Luiza Borges. RJ: Jorge Zahar Editor, 2007.

BURCKHARDT, Frederick (Org.). Origens: cartas seletas de Charles Darwin, 1822-1859. Tradução de Vera Ribeiro e Alzira Vieira Allegro. SP: Unesp, 2009.

___.; EVANS, S.; PEARN, A. (Eds.). A evolução: cartas seletas de Charles Darwin, 1860-1870. Tradução de Alzira Vieira Allegro. SP: Unesp, 2009.

CANGUILHEM, G. Ideologia e racionalidade das ciências da vida. Tradução de Emília Piedade. Lisboa: Edições 70, 1977.

___. O conhecimento da vida. Tradução de Vera Ribeiro. RJ: Editora Forense Universitária, 2011.

CAPONI, Gustavo. Georges Cuvier: um fisiólogo de museo. México, DF: Ed. Limusa, 2008.

___. Fue Darwin el Newton de la brizna de hierba? Principia. 16(1), p. 53-79, 2012.

___. La segunda agenda darwiniana: contribución preliminar a uma historia del programa adaptacionista. México, DF: Centro de Estudios Filosóficos, Políticos y Sociales Vicente Lombardo Toledano, 2011.

CASTAÑEDA, Luzia Aurelia. As idéias de herança de Darwin: suas explicações e sua importância. Revista da SBHC, n. 11, p. 67-73, 1994.

CHARLESWORTH, Brian e Deborah. Evolução. Tradução de Janína Marcoantonio. Porto Alegre: L&PM, 2012.

CHEDIAK, Karla. Filosofia da biologia. RJ: Jorge Zahar Ed., 2008 (Coleção Passo-a-Passo 81).

___; VIDEIRA, A. A. P. (Orgs.) Temas de filosofia da natureza. RJ: UERJ, 2004.

DAWKINS, Richard. O gene egoísta. BH/SP: Itatiaia/Edusp, 1989.

___. A grande história da evolução. Tradução de Laura Teixeira Motta. SP: Cia das Letras, 2009.

___. O relojoeiro cego – a teoria da evolução contra o desígnio divino. SP: Cia das Letras, 2001.

DENNETT, Daniel. Darwin’s dangerous idea. NY: Simon & Schulster, 1995.

DESMOND, Adrian; MOORE, James. Darwin: a vida de um evolucionista atormentado. SP: Geração Editorial, 1995.

ELDREDGE, N. The triumph of evolution and the failure of creationism. NY: W. H. Freeman and Company, 2000.

FERNANDEZ, Fernando. O poema imperfeito: crônicas de biologia, conservação da natureza e seus heróis. Curitiba: UFPR, 2000.

FERREIRA, Ricardo. Watson & Crick. A história da descoberta da estrutura do DNA. SP: Odysseus Editora, 2003.

FOUCAULT, M. Arqueologia das ciências e história dos sistemas de pensamento. Tradução de Elisa Monteiro. RJ: Forense Universitária, 2000 (Coleção Ditos e Escritos II).

GOULD, Stephen Jay. Darwin e os enigmas da vida. São Paulo: Martins Fontes, 1987.

___. A falsa medida do homem. Tradução de Válter Siqueira. SP: Martins Fontes, 1991.

___. O polegar do panda: reflexões sobre história natural. SP: Martins Fontes, 1989.

___. The structure of evolutionary theory. Cambridge (MA): The Belknap Press of Harvard University, 2002.

___. Pilares do tempo. RJ: Rocco, 2002.

GUIMARÃES, Márcio Andrei. Cladogramas e evolução no ensino de biologia. Dissertação (Mestrado), UNESP, 2005.

HOWARD, Jonathan. Darwin: a very short introduction. Oxford University Press, 2001.

HULL, D. Science and selection. Cambridge University Press, 2001.

JACOB, F. A lógica da vida. Tradução de Ângela Loureiro de Souza. RJ: Edições Graal, 1983.

JORDANOVA, L. J. Lamarck. México: Fundo de Cultura Econômica, 1990.

KELLER, Evelyn Fox. O século do gene. Belo Horizonte: Editora Crisálida/Sociedade Brasileira de Genética, 2000.

LEWONTIN, R. C. The wars over evolution. The New York Review of Books, v. 52, n. 16, outubro 2005.

MAYR, E. The growth of biological thought. Cambridge: Harvard University Press, 1982.

___. One long argument. Cambridge: Harvard University Press, 1991.

POPPER, Karl. Darwinism as a metaphysical research program. In: RUSE, M. (Ed.). But is it science? NY: Prometheus Book, 1996.

REGNER, Anna Carolina. O conceito de natureza em A origem das espéciesHistória, Ciências, Saúde, vol. VIII(3), p. 689-712, 2001.

___. A natureza teleológica do princípio darwiniano de seleção natural: a articulação do metafísico e do epistemológico na Origem das espécies. Tese de doutrado em Educação. UFRGS, 1995.

ROQUE, Isabel Rebelo. Sobre girafas, mariposas, corporativismo científico e anacronismo didático. Revista da SBPC, 2003. Disponível em: <www. lainsignia.com>.

RUSE, M. Mistery of mysteries: is evolution a social construction? Cambridge (MA): Harvard University Press, 1999.

___. On being a philosophical naturalist: a tribute to D. Campbell. HEYES (Ed.). Selection theory and social construction. Albany: Suny, 2001.

___. The evolution-creation struggle. Cambridge (MA): Harvard University Press, 2005.

___. Darwinism and its discontents. Cambridge (MA): Cambridge University Press, 2006.

SACARRÃO, Germano da Fonseca. Biologia e sociedade: crítica da razão dogmática. Publicações Europa-América, 1989.

SEDGWICK, A. Objections to Mr. Darwin’s theory of the origin of species. In: RUSE, M. (Ed.). But is it science? NY: Prometheus Book, 1996.

SONDER, B. Evolutionism and creationism. NY: Grolier Publishing, 1999.

STERENLY, D.; GRIFFITHS, P. Sex and death. An introduction to philosophy of biology. Chicago/Londres: The University of Chicago Press, 1999.

STONE, Irving. A origem: romance biográfico de Charles Darwin. RJ: Record, 1980.

STRATHERN, Paul. Darwin e a evolução. Tradução de Maria Helena Geordane. RJ: Jorge Zahar Ed., 2001.

TORT, Patrick. Darwin e a ciência da evolução. Tradução de Vera Lúcia dos Reis. RJ: Objetiva, 2004.

VIDEIRA, A.; EL-HANI, C. (Orgs.). O que é vida?: para entender a biologia do século XXI. RJ: Relume Dumará, 2001.

WADDINGTON, Conrad Hall et al. Hacia una biologia teórica. Madrid, Alianza Editorial, 1976.

___, Conrad Hall. Instrumental para o pensamento. São Paulo: Itatiaia/Editora Edusp, 1979.

___, Conrad Hall. El animal ético. Buenos Aires, Editorial Universitária de Buenos Aires, 1963.

WELLS, H. G.; HUXLEY, J.; WELLS, G. P. Evolução dos seres vivos. RJ: José Olympio, 1941 (Coleção A Ciência da Vida).

WILLIAMS, G. Adaptation and natural selection. Princeton (NJ): Princeton University Press, 1999.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s